“Elegante e incendiário”
Naomi Klein

“O livro tem o mérito de sistematizar e organizar para o leitor muito do que tem surgido no novo ativismo social”
Pablo Ortellado, em As análises, em livros e filmes, de junho de 2013.

“A baderna aleatória tem força, mas a baderna organizada tem poder.”
Marília Moschkovich, em Baderna, substantivo feminino

Em 2013, a Escola adquiriu os direitos  para a tradução, edição e divulgação da versão pocket do livro “Beautiful Trouble – A Toolbox for Revolution” (“Bela Baderna – Ferramentas para a Revolução”, em português), que traz um apanhado de princípios, teorias, táticas e estudos de caso sobre ativismo criativo.

Malcolm X, Banksy, Gandhi, Occupy Wall Street, Flash Mob, Greve Geral, Movimento Passe Livre: a sabedoria acumulada de décadas de protesto criativo agora também disponível para próxima geração de ativistas brasileiros.  A obra representa uma adição significativa para a literatura em língua portuguesa de ações criativas não-violentas.

Com prefácio assinado pela socióloga, jornalista e ativista política Marília Moschkovich, a edição nacional contou com três estudos de caso inéditos, exclusivos do Brasil: Jornadas de Junho (Revogação do aumento das tarifas de transporte público em São Paulo), Pimp my Carroça e Marãiwatsédé: a terra é dos Xavante.

“Sofisticado o bastante para ativistas veteranos e suficientemente acessível para os novatos, Bela Baderna mostra as sinergias entre imaginação artística e estratégia política afiada. Se você também quer um mundo mais belo, mais justo e mais habitável − e quer saber como fazer isso acontecer −, este livro é pra você.”

Em breve, todo conteúdo do livro estará disponível na plataforma Beautiful Rising, que está sendo traduzida para o português pela Escola de Ativismo.

PEÇA O SEU AQUI:

11 + 15 =